quarta-feira, julho 18, 2012

Magical Girl Lyrical NANOHA The MOVIE 2nd A's (Comentários)

Bem, agora sim, vou tentar tecer alguns breves comentários sobre o segundo filme da Nanoha, o qual eu fui assistir na estréia, no sábado passado. Mas antes de falar propriamente do filme, vou dividir a ida a Ikebukuro em três partes, antes, durante e depois do filme. Vocês vão entender o porquê!
Antes do Filme
Como eu havia garantido os tickets para a segunda sessão, às 11h15, no Cine Libre Ikebukuro, combinei de se encontrar com os amigos Leandro e Kiyoshi, na estação de Tatebayashi (eles já estariam me aguardando no trem), para chegarmos bem cedo em Ikebukuro, afim de andar um pouco. Chegamos às 10h03, e como havia bastante tempo, decidimos andar um pouco pela estação e do lado oeste dela. Meia-hora antes da sessão, voltamos ao Lumine, depto onde fica o cinema (8°andar), e reparamos que havia uma enorme fila no primeiro andar, o qual pensamos em se tratar de uma promoção de barganha, promovida pela rede Lumine. Mal sabíamos o que estava a nossa espera... Chegamos no corner de vendas de alimentos, compramos o Combo Set de pipoca da Nanoha (¥1000) e ficamos aguardando em frente a entrada da sala, no qual estava terminando uma exibição do filme do Anpanman. Em tempo, este foi o post-card que eu ganhei, na compra do Combo Set. Decidimos comprar os goods (panfleto e outras coisas) só depois de assistir o filme, pois não daria tempo. Recebemos o “Repeat Point Card”, com o qual, assistindo até três vezes, ganhava-se brindes. Depois foi só irmos para nossos respectivos assentos. Foi a menor sala de exibição que eu peguei (130 pessoas), tela pequena e uma fileira sem desnível para com os assentos da frente. Olhar pra fica é foda!
Durante o Filme
Simplesmente, só tenho uma palavra a dizer, espetacular! Pra mim que, acompanhei as três séries e já tinha visto o primeiro filme, ainda mais no dia anterior, foi muito fácil de se entreter com o enredo. Só não tinha dado tempo de re-assistir a série Nanoha A's, mas de um certo ponto de vista, foi até melhor, pra não saber diretamente dos fatos. Como disse o autor, Masaki Tsuzuki, numa entrevista, é perfeitamente possível se divertir com o segundo filme, mesmo sem ter visto o primeiro, mas como se trata de uma continuação direta do anterior, muitas cenas vão aparecer em flashback. Assistir este segundo filme, sem ter visto nada de Nanoha, pode acabar complicando pra entender alguns fatos, como foi o caso do Leandro. Mas apesar disso, a diversão é garantida. Muita ação, até mais do que na série, um novo visual para a Nanoha e a Fate, em seus trajes Barrier Jacket, e uma leve modificação também no design dos Intelligent Device. A história é a mesma da série de TV, mas com pequenas diferenças, a começar pela narração da própria Reinforce Zwei, a ordem de aparição de alguns personagens, o corte de outros, mas com a batalha final contra o Yami no Sho idêntica a da série. Destaque para a looonga cena de transformação da Nanoha e da Fate, respectivamente nas formas Excelion e Assault. Conseguiram compactar 13 episódios em exatas duas horas e meia, pois cortaram praticamente toda a parte escolar. Destaque também os temas BRIGHT STREAM e Sacred Force, da Nana Mizuki, e o encerramento Hohoemi no Plumage, da Yukari Tamura. Apenas o final é diferente, pois na série, havia se passado 6 anos, e a Nanoha, Fate e a Hayate já estavam no terceiro ano ginasial. No filme, o tempo transcorrido foi de dois anos. Logo que os créditos terminaram de passar, achei que poderiam anunciar um terceiro filme, do Nanoha StrikerS, mas infelizmente não teve. Se bem que, para compilarem 26 episódios, a tarefa é um pouco mais difícil, mas ainda tenho esperança!
Depois do Filme
A sessão acabou exatamente às 13h50, daí fomos procurar o fim da fila do corner de vendas, que estava sendo formada no primeiro andar. A partir desse momento, posso dizer que o nosso passeio por Ikebukuro tinha ido por água abaixo! É que a enorme fila, que havíamos avistado de manhã, se tratava dos interessados no goods do filme. Entramos às 14hs na fila, e aguentamos mais de três horas e meia nela, até chegar a nossa vez. Não sei explicar ao certo o porquê de tanta demora, mas só digo duas coisas, que o Cine Libre Ikebukuro não tem estrutura para lidar com esse tipo de venda, e que eles sabiam que poderia se formar uma fila interminável, por já terem tido a experiencia com outros filmes. É que a grande maioria foi ao cinema apenas para tentar comprar os goods, sem necessariamente ver o filme. Alguns ainda tentavam concilia as duas coisas, mas no fim das contas, a pessoa tinha que escolher, ou ficava na fila, ou entrava para ver o filme (caso conseguisse o ticket). De tempo em tempo, alguém do staff vinha informar quais os itens já haviam se esgotado. Felizmente, consegui levar o panfleto (¥1000) e o set de clear file (¥700), só não consegui levar a camiseta branca com o logo do filme (¥2800), que já havia se esgotado. Como o CLI fica na área de restaurantes do Lumine, não é possível formar fila no cinema, e nem tampouco utilizar as escadas. Daí, uma pessoa do staff ficava encarregada de levar as pessoas pelo elevador, e por esse motivo a fila não andava. Como não havia garantia de que o panfleto sobrasse até semana que vem, o jeito foi arriscar e ver quanto tempo ia demorar. A ideia original era passarmos o tempo no Namco Namjatown, mas só deu tempo de andarmos um pouco na Animate e lancharmos no KFC. Não me arrependo em nada, de ter perdido todo esse tempo numa fila, e quando consegui comprar, foi como uma vitória, fazendo até pose!

Sábado que vem, estarei de volta a Ikebukuro, para assistir o filme Ookami Kodomo no Ame to Yuki, num outro cinema, o Ikebukuro HUMAX Cinemas, e talvez nesse dia, eu compense o fato de não ter entrado no Namjatown. Apesar de que, estou pensando em fazer uma reserva no Pasela Resorts, de Ikebukuro ou de Akihabara, pois está sendo realizado a colaboração NANOHA The MOVIE 2nd A's “Magical Sweets”, com sobremesas temáticas do filme, desde o dia 12. São quatro pratos, mais um secreto, apenas para quem apresentar o canhoto do filme. Na compra, ganha-se um dentre cinco kan-badge. Em tempo, hoje eu resolvi assistir no embalo, todos os 13 epsiódios de Magical Girl Lyrical Nanoha A's. Como foi bom, é como se eu tivesse re-assistido o filme. Abaixo, alguns printscreens, com as garotas em seus 15 aninhos!
PhotobucketPhotobucket
PhotobucketPhotobucket
PhotobucketPhotobucket
PhotobucketPhotobucket

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home