terça-feira, janeiro 11, 2011

Minhas Compras em Akihabara!!! (8 de janeiro)

Bom, como eu havia comentado anteriormente, no sábado eu passei no Cinema Sunshine Ikebukuro para comprar o ticket antecipado do filme Gekijôban MACROSS F~Sayonara no Tsubasa~, que vinha junto com a figura Nendroid-Petit da Ranka Lee (Mahô Shôjo Pastel ver.). O ticket+figura saiu por ¥2000. Só o ticket, custava ¥1300. A ilustração da Ranka Lee é tão legal, que dá vontade de até nem usar o ticket, deixar ali, guardadinho...rsrsrs! Quanto a figura, ela faz parte de uma linha da Goodsmile Company. Nem abri a caixa (talvez nem abra, pra preservar mais ainda). Por enquanto, apreciem apenas a embalagem! Ah, e eu também ganhei a segunda versão do panfleto, com a Sheryl vestida de uniforme militar, e com o slogan “Uta wa inochi” (A canção é a vida). Nem me preocupei em chegar cedo em Ikebukuro, por volta das 11hs, afinal, os tickets não iam acabar tão depressa. De resto, aproveitei pra gastar tempo na Animate. Em tempo, o filme estréia no dia 26 de fevereiro, e logo no início do mês seguinte, Ikebukuro vai “ser tomada” pelo Macross Frontier. Aguardem mais novidades!

Chegando em Akihabara, fiz uma coisa que já estava na hora de fazer: trocar de telefone celular! Isso mesmo, como eu havia comentado em posts anteriores, finalmente esse dia chegou! Depois de 9 anos usando o mesmo celular, passei no docomo shop de Akihabara e decidi trocar de uma vez por um Smart Phone. E de cara, já peguei o modelo mais caro, e mais recente, o LYNX 3D, da Sharp, lançado dia 3 de dezembro. Felizmente havia estoque, pois se não tivesse, teria adiado a compra. Tinha que ser esse modelo, afinal, ele é o celular mais completo da docomo. É o primeiro celular que reproduz imagem 3D, além de pegar televisão e servir como carteira. Pensei que ia sair muito caro, mas desembolsei apenas ¥33957. O preço original, em caso de novo contrato, era de ¥50920, mas como no meu caso se tratava de troca do sistema MOVA para o FOMA, ganhei vários descontos, ficando nesse preço. Ah, ¥800 era do recarregador, que tinha que ser comprado à parte. Pensei que o atendimento ia demorar, mas em cerca de 30 minutos eu já estava com a linha. No celular anterior, lembro que levou cerca de uma hora. Mantive o mesmo número e o mesmo e-mail do i-mode. Sorte que eu tinha conta do Google, necessário para habilitar o sistema SP Mode (internet). Mas o difícil foi (e ainda é) se acostumar com “touch screen”. Qualquer deslize, e você acaba digitando algo errado. Passei o domingo inteiro fuçando o “novo brinquedinho”, e o que eu posso dizer é que ele é fantástico. Tenho que tomar cuidado para não me viciar! Agora, pra ganhar tempo, eu já posso checar todos meus e-mails (hotmail, yahoo, gmail) quando estou fora de casa. Não tem coisa melhor do que poder utilizar a internet de qualquer lugar. Na verdade, nem vou usar muito a internet, mas já deixei instalado um programa pra verificar os horários dos trens, que era o que eu mais utilizava no i-mode. Quanto à função 3D, veio uns clipes pré-instalados (Idoling, Hatsune Miku etc), muito interessante. Ah sim, e celular com câmera, que lê QR Code! Agora sim, dá pra participar de algumas promoções!
Depois, eu fui dar uma pesquisada nos preços de figuras usadas do Ichiban KUJI Premium Lucky☆Star~Lucky☆Granprix~, pra ver se eu consigo completar a coleção. Como eu já havia jogado 20 vezes, agora só usados mesmo. Não compensa mais jogar, e tirar mais produtos repetidos. Levei apenas 3, que estavam bem baratos, na Liberty. Os Neckstrap da Kagami (¥600) e da Miyuki (¥400), mais a Kyun-Chara da Miyuki (que não está na foto), a única que me faltava. Ficam restando o o Kart da Konata, uma Mugcup, e as figuras Premium, da Konata e da Miyuki. Vou dar mais um tempo, pra ver se os preços caem. Talvez eu consiga encontrar no Wonder Festival.
Finalizando às compras, na Animate, eu levei este livro, o Strike Witches II Official Fanbook COMPLETE FILE, lançado pela Kadokawa Shoten, no dia 27 de dezembro. Como eu já tinha o livro da primeira série, era “obrigação” levar este também. Ele é bem completo mesmo e grosso (208 páginas), com guia de episódios da primeira série, entrevistas com todas as dubladoras e reportagens dos games do Xbox360 e NintendoDS. Paguei ¥2730.


7 Comments:

At terça-feira, janeiro 11, 2011 9:02:00 AM, Blogger Pedroh said...

Bela aquisição Michel, curti o celular. Eu uso o mesmo faz uns 5 anos ou mais. Nunca gostei muito de celular pra falar a verdade, de qualquer forma tô pensando em trocar o meu também.

 
At terça-feira, janeiro 11, 2011 11:09:00 PM, Blogger JeffX said...

Esse celular é lindo hein =)
Eu queria comprar guides books de animes pra entender melhor, mas meus japonês é ruim ainda T-T
Fiquei sabendo que mesmo com esses celulares super avançados os japoneses gostaram bastante do iPhone né.

 
At terça-feira, janeiro 11, 2011 11:30:00 PM, Blogger Michel said...

Pedroh, um dos grandes problemas nem são os telefones em si, mas o tempo de vida útil das baterias. No meu caso, eu forcei demais, utilizando por nove anos. Ela praticamente já não recarregava mais. Mas de qualquer maneira, vale a pena trocar de celular, mas só se for por um muito bom...rsrsrs!

JeffX, mas que tipo de “guide books” você se refere especificamente? Sobre os celulares, o iPhone faz parte dessa nova geração Smart Phone, mas da Softbank. A docomo, pra contra-atacar, tem os seus modelos, como o Xperia, o LYNX etc. Foi-se o tempo em que celular era apenas para conversar...

 
At quarta-feira, janeiro 12, 2011 9:31:00 AM, Blogger Pedroh said...

JeffX, eu também gostaria de me arriscar em comprar fanbooks de muitas séries que gosto, mas o meu japonês também tá +ou- (eu faço curso há 4 anos, mas sou relativamente enrolado e preguiçoso).

 
At quarta-feira, janeiro 12, 2011 10:39:00 PM, Blogger JeffX said...

Michel, Esse guide books de animes explicando melhor a história em si.
Que nem o guide book do Suzumiya Haruhi no Shoushitsu que explica direitinho o filme.
Pedroh, Eu só fiz 3 meses de japonês, então kanji ainda é um bicho de sete cabeças xD Mas você fala bem não é?

 
At quinta-feira, janeiro 13, 2011 2:00:00 AM, Blogger Pedroh said...

JeffX, depende, eu acho que falar Japonês pra mim ainda é díficil, por outro lado, consigo entender muita coisa quando assisto um anime, tokusatsu ou filme...

Sobre "Kanjis" realmente eles são DO MAL! xDDDD
Quando tenho um livro didático em mãos fica mais fácil, pois posso consultar.

 
At segunda-feira, janeiro 17, 2011 11:34:00 AM, Blogger JeffX said...

Nossa, 4 anos? tô ficando com medo xD Kanjis são evil!
Boa sorte na sua fluência em Nihongo. Quem sabe chegamos no nível do Michel =p

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home